Pressione "Enter" pra pular este conteúdo

Comissão vai definir futuro de investigação sobre Renan

Uma comissão foi criada dentro do Conselho de Ética para planejar os próximos passos da investigação sobre denúncia do P-SOL contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). A comissão foi criada pelo presidente do Conselho, Sibá Machado (PT-AC) indicando como membros: Adelmir Santana (DEM-DF), Sérgio Guerra (PSDB-PE), Demóstenes Torres (DEM-GO), Romeu Tuma (DEM-SP) e o próprio Sibá.

O senador Wellington Salgado (PMDB-MG) também foi indicado. Mas como Salgado renunciou ao cargo de relator, o PMDB vai escolher um novo representante, segundo Sibá.

A comissão foi uma solução encontrada por Sibá para contornar o impasse criado na reunião de hoje. A maioria dos parlamentares recusou-se a votar o relatório de Epitácio Cafeteira, já que o parecer da Polícia Federal não foi conclusivo.

Por Mateus Matos