Pressione "Enter" pra pular este conteúdo

STF: Autorizada a instauração de 27 novos inquéritos dos investigados pela Operação Sanguessuga

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta segunda-feira (21/08) a abertura de 27 novos inquéritos contra parlamentares suspeitos de envolvimento com a máfia das ambulâncias. O ministro deferiu o pedido da Procuradoria Geral da República para dar prosseguimento à investigação. A Polícia Federal deu início às investigações em maio deste ano na denominada Operação Sanguessuga.

No despacho, o ministro pede a remessa dos autos ao diretor da Polícia Federal, e determina que em trinta dias seja colhido o depoimento de todos os parlamentares envolvidos e das demais pessoas citadas como intermediárias no esquema. Gilmar Mendes ainda requereu a identificação dos assessores dos parlamentares envolvidos com os fatos em apuração e a tomada de depoimento de todos eles.

Por fim, o ministro deferiu o pedido do Ministério Público nos estritos termos em que foi formulado, para, segundo ele, “apurar a ocorrência ou não das supostas práticas criminosas que eventualmente venham a ser imputadas aos investigados”.

Os 27 inquéritos permanecem em segredo de justiça para garantir a eficácia da investigação. Cabe ao Supremo, a partir de agora, analisar as diligências requisitadas pelo Ministério Público Federal que necessitem de autorização judicial.

A Polícia Federal também continua conduzindo as investigações relativas aos outros 57 inquéritos, totalizando 84, contra parlamentares que tramitam no Supremo.

Seja o Primeiro a Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MM