Pressione "Enter" pra pular este conteúdo

Viúvas recebem diferença de complemento de pensão

Duas viúvas de aposentados da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), do Rio Grande do Sul, asseguraram diferenças de complementação de pensão, com a decisão da Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho de negar conhecimento ao recurso da empresa. A CEEE alegou que os maridos delas morreram em 1983 e em 1985 e a ação somente foi ajuizada em 1994, quando já teria sido ultrapassado o prazo de prescrição de dois anos.

O relator, ministro Lelio Bentes Corrêa, rejeitou a alegação. A decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, que confirmou o direitos das duas viúvas às diferenças decorrentes de incorreção do cálculo inicial da complementação de aposentadoria, está de acordo com a jurisprudência do TST afirmou.

O TRT-RS aplicou ao caso a Súmula 327 do TST. “A prescrição a ser observada na hipótese de pedido de diferenças de complementação de pensão, decorrentes de incorreção do cálculo inicial da complementação de aposentadoria, oriunda de norma regulamentar, e dos reajustes legais e regulamentares supervenientes é a parcial, não atingindo a pretensão como um todo, mas tão-somente as parcelas anteriores ao quinquênio”, disse o relator.

O Tribunal Regional esclareceu que o pedido das viúvas não era de complementação de aposentadoria (Súmula nº 326 do TST) nem de diferenças de complementação de aposentadoria em razão de parcelas não recebidas durante a vigência do contrato de trabalho (OJ 156 do TST), nas quais se aplica a prescrição total de dois anos.

Para o TRT-RS, o fato de os ex-empregados da CEEE terem se aposentado em novembro de 1983 e maio de 1985 e as complementações de pensão terem sido pagas a partir de 1994 em nada altera a aplicação da prescrição parcial. Dessa forma, as viúvas terão direito às diferenças a partir do início do pagamento da complementação de pensão, em 1994.

Seja o Primeiro a Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MM