Pressione "Enter" pra pular este conteúdo

Vasco perde mais uma

O Presidente em exercício do TRF-2ª Região, Desembargador Federal Chalu Barbosa, manteve decisão do juiz da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, que determinou a busca e apreensão de documentos do Clube de Regatas Vasco da Gama. A decisão foi proferida no mandado de segurança impetrado hoje pelos advogados do Clube, que solicitavam uma liminar para “recolhimento do Mandado de Busca e Apreensão expedido pela 7ª Vara Federal Criminal com a imediata devolução dos documentos e levantamento dos lacres até final decisão do mandado de segurança.”

Em seu despacho, o Desembargador Chalu Barbosa determinou que seja “designado de imediato Oficial de Justiça para acompanhar a diligência, e que todo o material apreendido fique sob a guarda pessoal do Juiz da 7ª Vara Federal, sendo mantido rigoroso o sigilo já decretado por ele”.

Dr. Chalu Barbosa determinou, ainda, a distribuição imediata do Mandado de Segurança a um Relator do Tribunal, dentre os magistrados da Corte, que deverá analisar o caso após o recesso judicial.

Por Mateus Matos