Adicionar RSS




Há    visitantes  além dos   membros online no site neste momento booked.net booked.net booked.net


   Adicionar RSS de Decisões & Notícias

Decisões & Notícias

 
FILTROS
Direito e Saúde
Anvisa aprova regras para registro de remédio à base de maconha
|Entorpecentes ilícitos



Publicado em 22/11/2016

        BRASÍLIA, DF - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) incluiu hoje (22) os derivados da Cannabis sativa, a maconha, na lista de substâncias psicotrópicas, vendidas no Brasil com receita do tipo A, específica para entorpecentes. A norma permite que empresas registrem no país produtos com canabidiol e tetrahidrocannabinol como princípio ativo, passo necessário para venda de remédios.

       A medida faz parte da atualização da Portaria nº 344/98, que também estabelece que laboratórios registrem os derivados em concentração de, no máximo, 30 mg de tetrahidrocannabinol (THC) por mililitro e 30 mg de canabidiol por mililitro. Os produtos que tiverem concentração maior do que a estabelecida continuam proibidos no país.

       Segundo nota da agência reguladora, a medida foi motivada pela fase final do processo de registro do medicamento Mevatyl®. O produto que, em alguns países da Europa, tem o nome comercial de Sativex, pode vir a ser o primeiro obtido da Canabis sativa registrado no país. O medicamento será indicado para o tratamento de sintomas de pacientes adultos com esclerose múltipla.

Fonte:   ABr - Agência Brasil

Revisão: Mateus Matos

Leia mais sobre o mesmo tema: Entorpecentes ilícitos
» Quantidade de droga apreendida pode revelar impedimento à redução de pena por tráfico -08/10/2015
» Veículos utilizados no crime ganham finalidade social -15/06/2015
» Supremo decide que exclusão de substância da lista de entorpecentes proibidos da Anvisa, mesmo que temporariamente, descaracteriza tráfico -02/06/2015
» Sem acordo, votação da Lei Antidrogas é adiada -16/04/2013
» Movimentos sociais protestam contra medida que prevê internações compulsórias -21/01/2013
» Câmara submete lei que descriminaliza o porte de drogas à consulta pública -22/08/2012
» Novo Código Penal pode descriminalizar uso e cultivo privados de drogas -28/05/2012
» Retroatividade da lei mais benéfica favorece mulher condenada por droga em presídio -04/05/2012
» Holanda faz campanha contra consumo de maconha por turistas -02/05/2012
Leia mais sobre a mesma matéria: Direito e Saúde
» STJ isenta Souza Cruz de indenizar família de fumante -12/06/2018
» Dentista é condenado a indenizar paciente que teve dentes extraídos indevidamente em tratamento odontológico -20/04/2018
» STJ: Prazo prescricional para cobrar reembolso de seguro-saúde é de três anos -19/04/2018
» Reajuste de planos de saúde coletivos com menos de 30 beneficiários deve seguir regime de agrupamento contratual -19/04/2018
» Plano de saúde não terá de ressarcir cliente por gastos com medicamento importado sem registro na Anvisa -22/09/2017
» Justiça autoriza psicólogos a oferecer terapia de reorientação sexual -19/09/2017
» Lojas de animais não precisam contratar veterinários nem se registrar em conselho -15/05/2017
» Operadora de saúde indeniza cliente por negar cobertura a tratamento -28/09/2016
» Plano deve cobrir redução de mama em paciente com problema de coluna -12/09/2016
502 visitantes leram este conteúdo até o momento


    Nenhum comentário a respeito, até o momento.






Deixe sua opinião:
Por favor, desligue o CAPS-LOCK.



PESQUISA
DIGITE A PALAVRA:


ESCOLHA EM QUE CAMPO PESQUISAR:


Todas as palavras
Expressão exata